Projeto Atena > Outros

Telegrama Zimmermann04/07/2014 Enquanto exércitos se moviam pela Europa, os Estados Unidos permaneciam neutros. Em 1916, Woodrow Wilson foi re-eleito presidente, especialmente devido a seu slogan "Ele nos manteve longe da guerra".

Eventos no início de 1917 mudaram essa esperança. Frustrados com a eficiência do bloqueio naval britânico, a Alemanha quebrou sua promessa de manter a guerra submarine dentro de certos limites. Em resposta, os Estados Unidos diminuiram drásticamente suas relações com a Alemanha.

Em janeiro de 1917, criptógrafos britânicos decifraram uma telegrama do Ministro do Exterior alemão, Arthur Zimmermann para o Ministro Alemão para o México, von Eckhardt, oferecendo territórios americanos ao México como contrapartida deste se unir a causa alemã. O próprio Zimmermann não deixou suspeitas da existencia do telegrama  em um discurso em que confirmava sua existência.

A mensagem ajudou a levar os Estados Unidos para a guerra e mudou o curso da história. O telegrama teve tanto impacto na opinião pública americana que, de acordo com David Kahn, autor do livro "The Codebreakers", "nenhuma outra criptanalise teve tanta consquencia quanto esta".

Em sua opinião, "nunca antes foi tanto depositado na solução de uma mensagem secreta". E num esforço para proteger a inteligência britânica e capitalizar com o crescente sentimento anti-alemão, os britânicos esperaram até 24 de fevereiro para apresentar o telegrama a Wilson.

A imprensa americana publicou o telegrama em 1 de março. Em 6 de abril de 1917, o congresso dos Estados Unidos formalmente declararam guerra a Alemanha e seus aliados.


Para o Ministro Alemão no México
Berlim, 19 de janeiro de 1917

Em primeiro de fevereiro, pretendemos iniciar uma guerra submarina irrestrita. Assim sendo, é também nossa intensão manter neutros os Estados Unidos da America.

Se nossa tentativa não tiver sucesso, propomos uma aliança sob os seguintes termos com o México: Faremos a guerra e a paz junto. Daremos suporte financeiro, e o México poderá reconquistar os territórios perdidos do Novo México. Texas e Arizona. Os detalhes deixo que transmita.

Você está instruido a informar o presidente do México sobre o assunto acima na maior confidencialide assim que for certo que a guerra com os Estados Unidos é iminente, e sugerir ao presidente que, em sua própria iniciativa, comunique-se com o Japão para aderirem também a este plano; e que, ao mesmo tempo, ofereça-se para mediar negociações entre Alemanha e Japão.

Por favor, traga à atenção do presidente do México que o emprego de uma agressiva guerra submarina promete levar a Inglaterra à paz em alguns meses.

Zimmermann
(Ministro de Estado)
Compartilhar: